06/07/2018

Planejamento Estratégico Participativo é aprovado pelo plenário do Coren-BA

PEP norteará as ações administrativas da autarquia durante os próximos três anos.

PEP foi apresentado ao plenário pelo assessor de planejamento e projetos do Coren-BA, Robertson Fiori.

Na manhã desta sexta-feira (6), aconteceu a 541ª Reunião Ordinária de Plenário (ROP) do Conselho Regional de Enfermagem da Bahia (Coren-BA). Um dos destaques da sessão foi a aprovação, por unanimidade, do documento final do Planejamento Estratégico Participativo 2019-2021(PEP) que será responsável por nortear as ações administrativas da autarquia durante os próximos três anos.

Elaborado em conjunto pelos servidores públicos e pela gestão da autarquia, o PEP foi apresentado ao plenário pelo assessor de planejamento e projetos do Coren-BA, Robertson Fiori. Constituído de 42 páginas, o documento possui como ponto principal indicadores e metas que irão auxiliar o acompanhamento sistemático das atividades realizadas pela autarquia.

De acordo com Robertson Fiori, relatórios serão emitidos a partir da interpretação dos indicadores de cada setor. “A ideia é que esses dados sejam publicados no site para que os profissionais das categorias de enfermagem entendam com mais detalhes as atividades realizadas pelo Coren-BA”, explicou.

O vice-presidente da autarquia, Handerson Santos, ressaltou que o projeto está de acordo com as diretrizes estabelecidas pela gestão do Coren-BA, que assumiu as atividades em janeiro de 2018. “Profissionalizar a gestão administrativa do conselho é um dos nossos objetivos e esse projeto contribui com a aplicação do que está posto na literatura da administração pública, o que representa um avanço para a autarquia”, observou.

O PEP, juntamente com o Plano Plurianual que estabelece as medidas, gastos e objetivos a serem seguidos, com identificação clara dos objetivos e prioridades do Plenário e que auxiliarão a proposição do orçamento anual, será encaminhado ao Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) para homologação.