18/03/2019

Enfermeiras RTs participam de encontro promovido pela Câmara de Ética de Enfermagem do Coren-BA

Reunião teve como objetivo discutir as competências das Comissões de Ética de Enfermagem

 

Na manhã desta segunda-feira (18/03), o Conselho Regional de Enfermagem da Bahia (Coren-BA), através da Câmara de Ética de Enfermagem, promoveu uma reunião com enfermeiras(os) responsáveis técnicas(os) das instituições de saúde. O encontro aconteceu no auditório da sede da autarquia, em Salvador e teve como objetivo discutir as competências das Comissões de Ética de Enfermagem (CEEn).

De acordo com a Resolução Cofen 593/2018, as Comissões de Ética de Enfermagem representam o Coren-BA nas instituições onde existe serviço de Enfermagem, com funções educativa, consultiva, e de conciliação, orientação e vigilância ao exercício ético e disciplinar das(os) profissionais de enfermagem.

Para explicar o trabalho que deve ser feito pelas comissões, a enfermeira Sirlei Brito, coordenadora da Câmara de Ética de Enfermagem, destacou a Decisão nº 34 do Coren-BA, documento publicado em janeiro deste ano que normatiza a criação e funcionamento das comissões em âmbito estadual. “As pessoas não erram porque querem, mas porque desconhecem algumas informações, e uma das atribuições das(os) RTs é promover, estimular ou proporcionar o aperfeiçoamento do conhecimento, por isso a importância da leitura da decisão nº 34”, comentou Sirlei Brito.

Acesse a Decisão nº 34 do Coren-BA

Segundo a conselheira Andreia Santos, membro da Câmara de Ética de Enfermagem, as(os) RTs têm um papel importante no funcionamento das CEEn, pois além de serem responsáveis por instituí-las, precisam ceder tempo da carga horária dos membros para que estes realizem reuniões, façam rondas e demais demandas pertinentes ao funcionamento da comissão. “Esse encontro foi importante para sensibilizá-las, orientá-las e esclarecer dúvidas”, comentou a conselheira.

Estiveram presentes também no evento as conselheiras Kátia Topázio e Lúcia Figueiredo (membros da Câmara de Ética de Enfermagem) e o coordenador substituto das Câmaras Técnicas, Antônio Carlos da Silva Filho.