02/12/2019

Coren-BA realiza o 7º Encontro de Auxiliares e Técnicas(os) de Enfermagem em Salvador

Evento reuniu mais de 290 profissionais e estudantes da capital e do interior da Bahia

 

Participantes lotaram o auditório do hotel Sol Bahia Sleep durante o 7º Encontro de Auxiliares e Técnicas(os) de Enfermagem – EBATE que aconteceu na última sexta-feira (22), em Salvador. O evento foi organizado pelo Conselho Regional de Enfermagem da Bahia (Coren-BA) e abordou questões relacionadas à saúde mental das(os) profissionais, Segurança do Paciente, Ética e Legislação da Enfermagem.

No início da manhã, o público foi recebido com uma sessão de acolhimento promovido pela enfermeira Ieda Silva Carvalho, membro do Grupo de Trabalho de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS) do Coren-BA. Em seguida, o Coral Vozes da Sesab envolveu e emocionou o público com ritmos e a poesia da Música Popular Brasileira.

A mesa de abertura do 7º EBATE contou com a participação da presidente do Coren-BA, Maria Inez Morais Alves de Farias; da conselheira e coordenadora da comissão de organização do encontro, Aline Soares; da conselheira federal e presidente do Coren-BA de 2012 a 2017, enfermeira Maria Luísa de Castro Almeida; do membro da Comissão Nacional de Saúde Mental do Cofen, enfermeiro Marcos Antônio Garcia Vieira; do presidente da Associação Nacional de Auxiliares e Técnicos de Enfermagem (Anaten) e membro da Comissão Nacional de Auxiliares e Técnicos de Enfermagem (Conatenf), o técnico de enfermagem José Antônio da Costa; e do representante da ABEn-Seção Bahia,  enfermeiro Tiago Parada.

A presidente Maria Inez abriu a agenda de palestras abordando o papel do Conselho diante dos desafios da profissão para uma atuação ética e segura, destacando as principais frentes de atuação do Coren-BA que tem como foco o fortalecimento da fiscalização, o fomento à capacitação e a intensificação do diálogo institucional.

Saúde mental é uma questão social

A conferência magna “A saúde mental do(a) profissional de enfermagem – Uma perspectiva social” foi ministrada pelas enfermeiras e integrantes do GT de Saúde Mental do Coren-BA, Laís Chagas e Carolina Ventura.  As enfermeiras convocaram o público a refletir sobre o que é saúde mental e a importância de levar em consideração os contextos socioeconômico e cultural das(os) profissionais, bem como a interferência dos ambientes familiar e laboral no desempenho profissional.

A enfermeira Louisa Huber, membro do GT de PICs do Coren-BA, entrou em cena no período da tarde para aplicar as técnicas do Qi Gong e deixou o público cheio de energia para a palestra sobre Síndrome de Burnout que começou logo em seguida. A apresentação foi realizada por José Antônio da Costa, que explicou que a síndrome afeta uma ampla gama de profissionais da área de saúde, por se tratar de um distúrbio emocional com sintomas de exaustão extrema, estresse e esgotamento físico resultante de situações de trabalho desgastante.

Já a enfermeira Dra. Almerinda Luedy provocou as participantes a, literalmente, tirarem os pés do chão. Almerinda abordou os aspectos fundamentais que envolvem a Segurança do Paciente, e que se trata de uma responsabilidade assumida tanto pelas instituições de saúde quanto pelas(os) profissionais. A enfermeira também mostrou, com muita música, a importância de levar uma vida equilibrada para prestar o melhor serviço para a sociedade.

A última apresentação do dia ficou por conta da conselheira Aline Soares. O tema apresentado tratou da Ética e Legislação na Enfermagem e a obrigatoriedade da sua aplicação diária no exercício profissional. Aline também protagonizou um dos momentos mais emocionantes do encontro, ao recitar junto com todo o público, o Juramento da Enfermagem.

7º EBATE levou um público fiel

A técnica de enfermagem da Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação Associação das Pioneiras Sociais, Verônica Costal estava em sua terceira edição do EBATE. De acordo com ela, o encontro vem melhorando a cada ano e a organização foi cuidadosa com a escolha do local, estrutura e funcionamento do evento. “As(os) palestrantes abordaram o tema de forma dinâmica, inovadora e divertida, principalmente a enfermeira Almerinda Luedy e a atividade PICS, que envolveu todo o grupo. Que continue acontecendo anualmente e sempre surpreendendo e unindo auxiliares e técnicas(os) com temas inovadores”, enfatizou Verônica.

Em sua segunda participação, a técnica de enfermagem do Hospital Universitário Professor Edgard Santos (HUPES-UFBA), Eliene Silva, agradeceu pela escolha do tema do evento. “Foi de fundamental importância porque abordamos tópicos da nossa vivência profissional”.

Homenagens

O encerramento do 7º EBATE foi marcado pela apresentação de três trabalhos de intervenção desenvolvidos por técnicos de enfermagem do Programa Primeiro Emprego do Governo do Estado da Bahia sob gestão da Fundação Estatal Saúde da Família – FESF. E pela homenagem da coordenação do evento às técnicas de enfermagem mais antigas do Itaigara Memorial, primeira instituição da Bahia a receber o selo de qualidade do Cofen, Itaraci Bernardina dos Santos, Nadionice Gomes Pinto Santos e Elizabeth dos Santos Lobo, pelos anos de trabalho dedicados a cuidar da população.

O técnico em enfermagem do Serviço Móvel de Urgência, Jaeliton Assis Sousa Batista, também foi homenageado pelo trabalho de resgate às vítimas do desastre com a lancha Cavalo Marinho, que virou quando fazia a travessia Mar Grande – Itaparica, em 24 de agosto de 2017.