25/04/2019

Coren-BA firma parceria com UFBA para aprimorar fiscalização do exercício profissional

Professor da UFBA, enfermeiro Lúcio Ramos, ministrou oficina para agentes fiscais da autarquia

Enfermeiras fiscais participaram da primeira etapa do projeto

O Conselho Regional de Enfermagem da Bahia (Coren-BA) recebeu o enfermeiro Lúcio Ramos, professor da Escola de Enfermagem da Universidade Federal da Bahia (UFBA), para ministrar oficina às enfermeiras fiscais da autarquia.

O evento, que aconteceu nesta segunda-feira (22/04), em Salvador, compõe o planejamento do Curso de Formação de Agentes de Fiscalização do Exercício Profissional em Enfermagem que será realizado em parceria com a UFBA, previsto para acontecer no segundo semestre de 2019, com duração de 4 meses e carga horária de 80 horas.

De acordo com o vice-presidente do Coren-BA, Handerson Santos, o  objetivo do curso é  capacitar todas as(os) agentes fiscais para aprimorar o processo de fiscalização do Exercício Profissional em Enfermagem.

“O curso semipresencial, com tutoria, utilizará a metodologia da problematização, com estratégias individuais e coletivas de construção de conhecimento e de competências para a resolução de problemas advindos da realidade do trabalho das agentes fiscais”, comentou Handerson Santos.

Para o professor Lúcio Ramos, a oficina foi oportuna, produtiva e representou um espaço de escuta e valorização das profissionais envolvidas no processo de aprendizagem. Segundo ele, as agentes fiscais apontaram demandas relacionadas à fiscalização do cumprimento da Sistematização da Assistência de Enfermagem em distintos serviços, noções básicas de processos administrativos, dimensionamento de pessoal em serviços/setores específicos, dentre outros temas.

“Os temas, as estratégias pedagógicas e as avaliações precisam fazer sentido para os sujeitos envolvidos no processo de ensino-aprendizagem, a próxima etapa consistirá em agregar os assuntos levantados ao projeto do curso de formação, esperamos que seja um processo construtivo para todos e todas, que envolva muito conhecimento e afeto compartilhado”, destacou o professor.

Participaram da oficina as enfermeiras fiscais Andressa Nogueira, Jamile Alvarino, Laísa Friederick, Ângela Monteiro, Sandra Santos, Tatiane Galvãoe Evellyn Moura, responsáveis pela fiscalização em Salvador e região metropolitana e Feira de Santana.

.